Hoje em dia é cada vez mais difícil encontrar alguém que não possua um smartphone, acabando com o tempo em que os telefones celulares eram usados apenas para fazer ligações.

Atualmente, passamos a maior parte do tempo com o aparelho nas mãos e a maioria das nossas atividades diárias envolve ou depende diretamente de um smartphone, seja para ouvir música, enviar e receber e-mails, verificar as redes sociais, elaborar uma lista de compras ou até mesmo acessar a movimentação bancária.

Por tudo isso, qualquer dano simples no aparelho pode causar grandes dores de cabeça, não só pelo valor necessário para arcar com conserto ou eventual compra de um modelo novo, um smartphone danificado em uma queda, dependendo da gravidade do estrago, pode comprometer as atividades essenciais ao usuário, além de perder dados e informações importantes.

Embora as quedas sejam inevitáveis, você pode adotar algumas atitudes para minimizar os riscos de tombos e proteger o aparelho de danos mais sérios.

Escolha um aparelho resistente e adequado ao seu estilo de vida

Ao escolher um smartphone, não avalie apenas questões técnicas ou funcionalidades.  Aspectos como peso, resistência e os principais ambientes nos quais o aparelho será utilizado devem ser considerados. Antes de adquirir um, experimente modelos diversos e não caia em modismos.

O smartphone ideal deve ser confortável de usar, com bom encaixe em suas mãos. Um modelo muito pesado pode ser pouco prático para quem o acessa com frequência, enquanto aqueles mais frágeis oferecem mais riscos para quem é um pouco mais desatento.

Invista em capas, protetores e acessórios de segurança

Além de escolher um modelo resistente, investir em acessórios como películas e cases também é fundamental para diminuir os riscos de danos em caso de quedas. As películas protetoras normalmente são baratas e protegem a tela de arranhões e rachaduras mais leves. Porém, para defender seu smartphone de estragos mais drásticos, aposte em capas e cases mais robustos. O primeiro passo é escolher acessórios com as laterais arredondadas. Quanto menos quinas, menor a chance de quebra.

O material utilizado e o modelo do acessório também contribuem para proteger seu smartphone em caso de quedas. As capas no estilo “bumper”, que envolvem apenas as laterais e deixam a tela e a traseira livres, são normalmente feitas de borracha na parte interna e plástico no exterior e, em alguns casos, possuem uma manopla para encaixar os dedos para dar mais segurança ao segurar o aparelho. Já o formato “flip” envolve o aparelho como um todo, porém nem sempre é feito de material resistente a quedas.

As capas mais comuns cobrem a traseira e as laterais do aparelho e normalmente são feitas de silicone ou TPU (Polímero Termoplástico). As principais diferenças em relação aos dois materiais têm a ver com conforto e segurança. Embora sejam mais confortáveis, as capas de silicone são menos resistentes. Por serem menos maleáveis, as capas de TPU protegem mais os aparelhos. O máximo de segurança é oferecido pelas capas superprotetoras, feitas de material ultrarresistente e com silicone na parte interna, funcionando com um amortecedor em caso de tombo.

Evite deixar o aparelho em locais com maior risco de queda

Por mais resistente que seja, nenhum material sobrevive a quedas constantes. Mantenha o smartphone longe de fios em locais de passagem, pois alguém pode tropeçar e jogar o aparelho no chão.

Também é uma boa dica evitar manter o celular no bolso traseiro, para que não caia quando você se assentar. Além disso, tenha cuidado ao permitir que o aparelho seja manipulado por crianças, mantendo sempre a sua supervisão.

Em caso de quedas constantes, contratar um plano de seguro pode ser o ideal

Se as quedas são uma constante para o seu smartphone, considere contratar um seguro para o aparelho. Com mensalidades normalmente bem baixas, muitos planos oferecem concerto e até um novo aparelho em caso de danos irreparáveis. Vale a pena pesquisar por seguradoras que ofereçam as menores franquias e as maiores cobertura.

E você, tem outras dicas para proteger um smartphone de quedas? Indique para a gente nos comentários!