Provavelmente, quase todos os seus amigos já postaram prints do Sarahah em todas as funções “snapchat” possíveis, não é mesmo? Mas, afinal, qual o objetivo desse aplicativo? Nós já vamos te explicar!

O Sarahah é um app desenvolvido pelo árabe Zain al-Abidin Tawfiq que, no início, era apenas uma ferramenta de trabalho a qual permitia que os funcionários dessem aos seus chefes um feedback anônimo. Somente no início deste ano Tawfiq resolveu lançar o aplicativo para o público em geral.

Já popular no Oriente Médio e no norte da África, começou a bombar aqui no Brasil e nos EUA no começo da semana passada. Estima-se que já tenha ultrapassado a marca de 1 milhão de downloads para Android.

Sarahah

“Sarahah” significa “honestidade” em árabe. 

Entretanto, essa nova febre vem causando polêmica por favorecer o anonimato dos usuários. Assim como a maioria das pessoas estão interessadas apenas em se divertir com os amigos, outras parecem estar em busca de confusão e propagar discursos de ódio.

É necessário se preocupar com o Sarahah?

O aplicativo funciona da seguinte maneira: uma pessoa pode fazer um comentário no seu perfil de forma anônima, mas você não tem direito de resposta. Os usuários divulgam o nome do perfil em outras redes sociais para que seus amigos os encontrem com facilidade.

Apesar de parecer inofensivo, é preciso tomar cuidado com mensagens ofensivas e o conteúdo abusivo que pode estar circulando no aplicativo. Na App Store dos EUA, por exemplo, uma mãe o avaliou como “’um campo fértil para o ódio” depois que seu filho recebeu um comentário racista e violento menos de 24 horas depois de ter baixado o app.

É possível tornar o Sarahah mais seguro?

Para combater as práticas de bullying, por exemplo, o app possui classificação etária 16+. Também é possível desativar os comentários anônimos na plataforma, como forma de filtrar as mensagens. Se preferir, você pode bloquear o resultado nas buscas, de forma que somente pessoas desejadas tenham acesso ao seu perfil.

O Sarahah está disponível para celulares Android e iOS. Deixe sua opinião sobre essa nova febre nos comentários!