A sustentabilidade é um tema recorrente em encontros que discutem mudanças climáticas e maneiras de minimizá-las. Neste conteúdo, vamos falar sobre produto sustentável e produto orgânico, duas possibilidades para reduzir os impactos ambientais. 

A seguir, vamos mostrar as diferenças entre os conceitos e evidenciar como o uso dessas peças pode ajudar a melhorar a saúde do planeta. Boa leitura!

O que é produto sustentável?

Ideia de guarda-roupa de segunda mão. Moda circular, compras sustentáveis ecológicas, conceito de loja econômica.

Os produtos sustentáveis são itens confeccionados através de ações conscientes que buscam a redução dos danos ao meio ambiente durante todo o processo de produção. 

Prezando pela sustentabilidade, essas peças passam por procedimentos rigorosos de controle para garantir a sobrevivência do planeta e o suprimento das necessidades das gerações futuras. 

O objetivo é fomentar o consumo consciente, individual e coletivamente. Para surtir efeitos positivos, essa forma de consumo deve ser pensada desde a extração da matéria-prima até sua comercialização. 

Depois que as mercadorias são vendidas, cada consumidor se torna responsável pelo uso adequado dos seus artigos, devendo valorizar, sempre que possível, a reciclagem e a reutilização. 

O uso de embalagens e artigos de vidro ou de bambu, substituindo os itens de plástico, é uma forma de reaproveitar os materiais de maneira útil. Confira outros exemplos de produtos sustentáveis: 

  • Lâmpadas de LED;
  • Carregador solar para celular;
  • Coletor solar;
  • Chuveiro pressurizado;
  • Celulares seminovos;
  • Cosméticos ecológicos; 
  • Ecobags; 
  • Lixeiras seletivas;
  • Produtos de limpeza biológicos; 

É considerado um produto sustentável aquele que é proveniente de fontes renováveis, é confeccionado com baixo consumo de energia e água ou é feito com materiais biodegradáveis. 

Além disso, a produção de produtos sustentáveis é realizada com boa gestão de resíduos e com redução da emissão de gases poluentes.  

Qual a importância de um produto sustentável?

Ao adotar atitudes sustentáveis, consumidores e empresas geram um impacto positivo no meio ambiente, evitando danos que poderiam ser irreversíveis. 

Com a utilização de produtos sustentáveis, é possível observar uma redução do consumo de materiais tóxicos, um aumento do uso de energia limpa e renovável e a diminuição de custos a médio e longo prazo. 

Os artigos provenientes da tecnologia sustentável, como os aparelhos da Trocafone, incentivam a reutilização e a reciclagem, garantindo maior durabilidade e evitando o processo de  obsolescência programada

Ao usar recursos sustentáveis como matéria-prima, as empresas atestam o compromisso com a natureza e com as leis ambientais, previstas na Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei nº 12.305/2010)

As marcas que honram esse pacto criam vantagens competitivas e ainda utilizam menos elementos esgotáveis. Além dos benefícios financeiros, elas geram menos perda e ainda contribuem para a redução da desigualdade social. 

Isso porque as atividades de reciclagem dos produtos sustentáveis são fontes de renda para comunidades com baixo poder aquisitivo.

O que é produto orgânico?

Frutas e produtos hortícolas orgânicos que crescem em compostagem

Os produtos orgânicos, por definição da legislação brasileira, são aqueles obtidos por sistemas orgânicos de produção agropecuária ou oriundos de sistemas que não prejudicam o ecossistema local. 

Eles são baseados em sistemas sustentáveis de manejo adequado da terra e dos recursos naturais, sempre buscando manter a integridade dos insumos. São exemplos de produtos orgânicos: 

  • Alimentos orgânicos;
  • Hortaliças e legumes sem adubos químicos;
  • Frutas sem agrotóxicos;
  • Produtos de beleza que não são testados em animais;
  • Cosméticos veganos.

É importante ressaltar que os produtos orgânicos são sustentáveis, mas nem todos os produtos sustentáveis são orgânicos

A principal diferença está nas formas de produção das mercadorias, que, no caso dos produtos orgânicos, estão mais voltadas para alimentos e objetos que utilizam materiais de origem animal. 

Qual a importância de um produto orgânico?

O consumo de produtos orgânicos traz muitos benefícios, não só para o meio ambiente, mas também para a saúde dos consumidores. 

Por serem produzidos em solos ricos em adubos naturais, os alimentos orgânicos oferecem maior valor nutritivo, ajudando a aumentar a imunidade do organismo. 

As plantações orgânicas são livres de toxinas, de hormônios e de produtos nocivos, fazendo com que as colheitas sejam mais saudáveis e até mesmo mais saborosas

Ao evitar a erosão do solo e a poluição da água e do ar, esse tipo de cultivo ajuda a preservar a fauna e flora, equilibrando os ciclos naturais e a biodiversidade. 

Mas um dos pontos mais importantes relacionados aos produtos orgânicos é a possibilidade de incentivar a economia sustentável e a agricultura familiar.

As culturas de plantio são feitas, em sua maioria, por pequenos produtores. Eles tiram o sustento de suas famílias dessas lavouras, e é por isso que os alimentos são cultivados com tanto carinho. 

Exemplo para entender a diferença entre um produto sustentável e produto orgânico

Você já viu, ao longo do texto, que produto sustentável e produto orgânico não são sinônimos. Para facilitar a compreensão das diferenças entre os dois conceitos, vamos mostrar um exemplo prático com o algodão sustentável e o algodão orgânico. 

Algodão sustentável

O algodão sustentável é cultivado de maneira tradicional, usando tecnologias para o controle de pragas e para a otimização do processo de plantio. 

Para que ele seja considerado sustentável, sua produção deve preservar o meio ambiente, fazer um uso inteligente da água, respeitar os sistemas que envolvam empresas e instituições e colaborar com o desenvolvimento sustentável. 

Também é preciso que as pessoas que trabalham na cadeia produtiva sejam valorizadas e que seja promovido o combate ao trabalho escravo e infantil. 

Algodão orgânico

O algodão orgânico é plantado em terrenos menores, com a utilização de processos mais manuais e menos mecânicos. 

As técnicas de produção não incluem o uso de fertilizantes sintéticos e nem de sementes transgênicas. Por dependerem exclusivamente de fatores naturais, as plantações orgânicas atendem a uma demanda mais limitada. 

Como os algodões orgânicos são produzidos em menores quantidades, as peças confeccionadas com o material costumam ser mais caras.

Diferença entre algodão sustentável x orgânico

As principais diferenças entre o algodão sustentável e o orgânico, como vimos anteriormente, são o emprego da tecnologia e o uso de materiais químicos no processo de plantio.  

Enquanto as plantações sustentáveis utilizam instrumentos avançados e produtos sintéticos para aumentar a produção, a colheita orgânica é feita de maneira manual e artesanal.

Conseguiu identificar as particularidades do produto sustentável e do produto orgânico? Acesse a aba de Sustentabilidade no nosso blog e leia outros conteúdos sobre o tema.

Trocafone: Melhor para o seu bolso e para o planeta