Já faz algum tempo que, de tão inteligentes, os celulares apresentam poucas novidades tecnológicas entre um lançamento e outro. Além disso, um dos maiores desafios das fabricantes é fazer a bateria acompanhar tanta novidade durando o máximo possível antes de voltar pro carregador.

Porém, uma possível solução para essa deficiência pode estar perto de ser totalmente inventada. Na semana passada, cientistas da computação e engenheiros elétricos da Universidade de Washington ganharam notoriedade ao divulgarem um protótipo de celular que não precisa de bateria para funcionar.

Como é possível um celular funcionar sem bateria?

Basicamente, o celular possui uma célula solar do tamanho de um grão de arroz que se comunica com estações base a pouco mais de 15 metros de distância. Também podem ser utilizados sinais de rádio transmitidos de uma estação a cerca de 9 metros de distância.

Ao eliminar o processo de conversão de sinais analógicos que transmitem som em dados digitais, o consumo de energia foi reduzido a apenas 3,5 microwatts. Esse valor é suficiente para ser obtido através do ar.

Os engenheiros utilizaram placas de circuito impresso na montagem do protótipo e realizaram ligações via Skype para demonstração.

Segundo Vamsi Talla, co-autor do projeto, eles construíram uma estação personalizada para transmitir e receber os sinais de rádio. Essa tecnologia pode ser facilmente integrada à rede celular já existente ou até mesmo aos roteadores Wi-Fi que temos em casa.

Claro que ainda estamos falando de um protótipo e objeto de estudos. Mesmo assim, é possível enxergar um potencial para que os smartphones do futuro possam funcionar independente de uma bateria.

Quem sabe, nos próximos anos, esse método seja utilizado no modo de consumo de energia dos smartphones, não é mesmo? Comente e deixe sua opinião!